Marketing direto: como funciona e as vantagens de uso

Marketing direto: como funciona e as vantagens de uso

O marketing direto é uma tendência no mercado. Isso porque, a mudança de comportamento do consumidor tem gerado novas estratégias de marketing que estão cada vez mais pautadas pela experiência do cliente.

Assim, o consumidor tem buscado por soluções personalizadas e por um relacionamento mais direto com as empresas. Com isso, as fórmulas usadas pelo marketing tradicional para criar a aproximação entre a marca e o cliente já não funcionam mais e, para aprimorar a experiência, o marketing direto é uma das ferramentas mais utilizadas.

Marketing direto: como funciona?

O marketing direto é um conjunto de estratégias de campanha específico e direto para atingir um grupo de consumidores que demonstra interesse pelos produtos ou serviços que a sua empresa oferece.

Essas ações não são uma novidade no marketing, mas a forma de utilização digital é que mudou aa dinâmica de realização das ações. Assim, as pessoas deixam seus dados para contato direto com a empresa de forma mais simples e rápida, se tornando uma poderosa ferramenta de marketing direto.

Como utilizar uma estratégia de marketing direto nos seus negócios?

Então, conhecendo o que é o marketing direto, como usar na sua empresa? São três ações necessárias para adotar uma estratégia para o seu negócio. Confira!

Identifique o público-alvo

O primeiro passo é identificar quem são os seus potenciais clientes e traçar um perfil das pessoas que apresentem interesse na sua marca. Por isso, crie um banco de dados com sexo, idade, renda, interesses e localização geográfica, por exemplo, para formar um cadastro de potenciais clientes, os leads.

Técnica de abordagem

Depois de traçar um perfil do seu cliente potencial, é hora de definir qual a técnica de abordagem é a mais indicada para interagir com os consumidores. Identifique a faixa etária e os hábitos de consumo para a sua tomada de decisão.

Afinal, os jovens estão cada vez mais conectados e dispostos a realizar as aquisições por meio digital. Mas, os clientes mais velhos e conservadores podem ser abordados com mais eficiência a partir da prospecção física, por exemplo, um folheto de promoções.

Calibre as ferramentas

Use os meios digitais para potencializar o alcance ao seu cliente. Assim, use o e-mail marketing, mas não só ele. Aposte no remarketing e o inside sales, por exemplo, para reconectar os visitantes do seu site ou redes sociais com os seus produtos ou serviços.

Senso de urgência

Uma técnica muito importante para converter o consumidor é criar o senso de urgência. Isso porque, as pessoas ficam mais inclinadas a fechar um negócio ou compra quando elas entendem que isso deve ser feito na hora da visita. Afinal, se o tempo passar, elas podem até esquecer de fazer a compra por se distraírem com outras opções na concorrência.

Teste e mensure os resultados

Para construir uma estratégia de marketing direto de sucesso para o seu negócio é importante testar as diferentes abordagens e técnicas para produzir dados que possam ajudar na tomada de decisão.

Afinal, é preciso entender quais são as ações que trazem maior ou menor impacto para os clientes e quais são as estratégias que precisam ser ajustadas para que alcancem o objetivo. Aliás, o marketing direto não é uma forma eficaz de contato com o cliente se não estiver alinhado a uma estratégia de conversão e fidelização. Isso porque, ele tende a ser um formato de sucesso, desde que você conheça o perfil do seu cliente e saiba como conversar com ele em todos os canais.

Que tal, quer criar uma estratégia de marketing direto para a sua empresa? Entre em contato conosco da Lessa e descubra as melhores técnicas para o seu negócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *